Perfis

08/08/2016 10:00

Cultura em Movimento - Deleci Souza Freitas

d

Quem: Deleci Souza Freitas
Idade: 71 anos
Atuação: Membro da Irmandade da Boa Morte

Desde menina, Dona Deleci acompanhava a Festa de Nossa Senhora da Boa Morte, em Cachoeira, junto com a sua madrinha, que era membro da irmandade. Aos 43 anos, ela se tornou noviça, primeiro cargo da tradicional confraria secular de mulheres negras, passando a ser escrivã, tesoureira, juíza, procuradora e, hoje, irmã. Para fazer uma festa bem bonita nos dias 13 a 15 de agosto, com muita fartura, lembra que, antigamente, saía com uma bolsa para a “esmola”, com o fim de arrecadar fundos para os festejos. Para ela, a Festa da Boa Morte é puro sentimento, desde o ritual de sentinela, do luto da morte da nossa senhora, à parte da alegria, que celebra a vida da santa. “Foi nossa senhora quem libertou a gente, não princesa Isabel. Ela é nossa mãe eterna”, afirma a anciã de sorriso largo que também é mãe de santo do terreiro Kodedê. Além da devoção, Dona Deleci também fica na festa para o samba de roda, que diz com muito orgulho ser “coisa da África”, a dança dos seus ancestrais nagôs.

Leia mais perfis do Cultura em Movimento
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.