Perfis

13/03/2017 08:40

Cultura em movimento - Perfil:Varal do Cordel

d

Quem: Grupo Varal de Cordel
Idade: 3 anos
Atuação: Cordelistas com apresentação nas praças, ônibus e ferryboats

A paixão pela música e pela poesia uniu a argentina Mercedes Garros e o baiano Déi Ferreira amorosamente e profissionalmente. Ela, uma percussionista, de 30 anos e ele um repentista e cordelista, de 33. O verso, a métrica e a rima do casal deram frutos. O primeiro é o pequeno Umar, que aos nove meses acompanha os pais em quase todas as atividades (inclusive nesta entrevista). O segundo é o projeto Varal de Cordel que, há três anos, leva música e poesia a todos os cantos da capital. “É um projeto independente que conta com ajuda de amigos e, principalmente, com a nossa força para manter”, revela Mercedes. “O mais interessante é que conseguimos dialogar com vários ritmos do nordeste”, completa Déi. As afirmações estão comprovadamente registradas no EP Varal de Cordel, disco gravado ano passado com a colaboração de 13 amigos músicos que inovaram acrescentando batidas percussivas, de jazz, axé, xote, coco e samba à literatura de cordel. A dupla fez apresentações nas ruas do Pelô durante o carnaval e este mês participa do Festival Ibermúsica que acontece na Argentina. “Precisamos ir onde o povo está ou não é cultura popular”, ressalta Mercedes. A prova disso são as inusitadas apresentações em ônibus, praças e até no Ferry Boat durante a travessia Salvador/Mar Grande. Sempre com um pandeiro, um triângulo nas mãos e a poesia afiada na boca o Varal de Cordel vem conquistando uma legião de fãs por onde passa!
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.