Perfis

17/04/2017 09:20

Cultura em Movimento - Perfil: Arissana Pataxó

d

Arissana Pataxó

Idade: 33 anos
Profissão: Professora e Artista Plástica

As duas profissões (professora e artista plástica) vieram cedo à vida de Arissana. Aos dezenove anos começou a lecionar na Escola Indígena Pataxó da Aldeia Coroa Vermelha, localizada no extremo Sul da Bahia, ao passo que despertava em si o desejo de retratar seu mundo em telas. Veio a Salvador e se formou Artes Plásticas na UFBA e depois se tornou mestre em Estudos Étnicos e Africanos. Esses dois mundos permeiam sua vida desde então. O da arte que ela escolheu para gritar ao mundo a temática indígena e o da educação em que no dia a dia do fazer de professora, Arissana se dedica através de uma prática intercultural, dialogar, discutir e refletir sobre os conhecimentos específicos do povo Pataxó e conhecimentos gerais da arte situando-os como cidadãos do Brasil e do mundo. “Enquanto educadora, a ideia é reforçar principalmente para as crianças a nossa cultura indígena. No caso das minhas telas a escolha pela temática é proposital, pois quero despertar nos não índios o interesse pela nossa cultura. Minhas obras são como janelas para que as pessoas possam chegar e olhar, e queiram saber sobre nós”, reforça Arissana. Seu trabalho com educação vai além da aldeia Pataxó, pois ela realiza diversas atividades de arte-educação e produção de material didático para outros povos indígenas. Já com as obras de artes, ela tem participado de diversas exposições coletivas e individuais em tempo mais espaçado.

Leia outros perfis da série Cultura em Movimento

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.