Cultura

05/10/2017 10:45

VI Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano ressalta o protagonismo feminino na cultura

e



O Centro de Cultura de Alagoinhas – espaço cultural administrado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) - recebe entre os dias 12 a 22 de outubro a VI Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano, que terá como tema "Políticas Culturais e Empoderamento Feminino". O projeto apresenta neste ano muitas novidades, mas mantém os propósitos originais de abrir espaço para manifestações culturais da região, fortalecer e reafirmar a importância da política de territorialização do Estado, além de celebrar e preservar a memória das culturas populares.

Dentre as novidades está a primeira edição do Salão de Artes Visuais de Alagoinhas, o Encontro Estudantil Territorial, o Seminário Literatura, Produção Cultural e Modos de Vida, o Concerto da Banda Marcial de Alagoinhas, o Sarau do Boi Encantado e a Mostra dos Pontos de Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano, que marca o encerramento da programação.

A abertura oficial do evento acontece no dia 13 (sexta-feira) e contará com a participação do Slam das Minas, grupo artístico de Salvador e debate sobre questões de gênero com artistas, ativistas culturais e pesquisadoras da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Ainda no dia 13, ocorre a abertura do Salão de Artes Visuais de Alagoinhas, que será prestigiada pelo reconhecido artista plástico soteropolitano Menelaw Sete.

Na programação ainda estão previstas apresentações do Ballet do Teatro Castro Alves, que trará ao palco do Centro de Cultura o espetáculo Lub Dub no dia 14 (sábado), às 20h e a Camerata Bahia Cordas da Orquestra Sinfônica da Bahia, que se apresentará no dia 19 (quinta-feira), às 18h. Os grupos locais também ocuparão o espaço cultural com o Tributo a Albertina Rodrigues, homenageada desta sexta edição, no dia 18 (quarta-feira), às 20h e com os espetáculos Rosas Negras, no dia 15 (domingo) às 20h e Arraial dos Ventos, no dia 22 (domingo), às 17h.

Durante toda a programação, o projeto abre espaço para ações de formação. O público conta com oficinas em diversas linguagens artísticas, desde graffiti, passando por teatro, jazz dance, dança contemporânea até oficinas de contação de histórias e forró. Toda a programação é gratuita e a classificação é livre.

Em parceria a Secretaria de Educação do Estado da Bahia (SEC), Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Conselho Municipal de Política Cultural de Alagoinhas e Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Mulheres, a Semana marca um encontro com diversos artistas e grupos do território na busca de um intercâmbio cultural. “De forma coletiva construímos uma programação potente, descentralizada e diversificada, possibilitando a discussão, formação e troca de experiências entre artistas com distintas formações e expressões”, ressalta o coordenador do espaço cultural, Tárcio Mota.

A primeira edição do projeto denominou-se Semana de Arte de Alagoinhas e Região, e foi realizada em 2010, através da Fundação Cultural do Estado (FUNCEB), desenvolvendo uma programação centrada em atrações apresentadas por grupos de Alagoinhas, Pojuca e Salvador. Em 2011, a proposta abrangeu um número maior de municípios do Território e suas linguagens artístico-culturais. Com isso, passou a ser denominada ‘Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano’. Neste período, já ocorreram outras cinco edições, sempre com o objetivo de democratizar o acesso ao espaço público cultural, atuar na formação de platéia, dinamizar o cenário artístico-cultural do território, além de desenvolver e dar visibilidade aos artistas e as artes locais e da região.

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais em diversos territórios de identidade baianos, geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), setor vinculado à Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult). Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro Cultural Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse: www.espacosculturais.wordpress.com.

Confira a programação completa
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.