Fundo de Cultura

09/01/2018 15:20

Lia Lordelo presta homenagem a Torquato Neto no Lalá Multiespeaço

g
Foto: Leonardo França

No show TorquatáLia, a cantora e atriz Lia Lordelo faz um mergulho no universo poético de Torquato Neto. Nas quintas-feiras, 11 e 18, às 22h, o Lálá Multiespaço recebe o espetáculo em homenagem ao artista que atuou em diferentes linguagens artísticas. Os ingressos custam R$10 e R$5 (meia) e serão vendidos no local.

A atividade faz parte do projeto LáláB – Pague Minha Pauta, que realizará 40 shows e quatro oficinas entre os meses de janeiro e abril, no espaço cultural no Rio Vermelho. Com o apoio financeiro do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, mecanismo de fomento das secretarias da Fazenda e de Cultura do Estado da Bahia, por meio do Edital de Dinamização de Espaços Culturais, executado pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), as ações têm realização do Lálá com produção da Maré Produções Culturais.

Um dos principais artífices da Tropicália, Torquato Neto expandiu sua atuação para além da poesia e da canção popular, investindo em outros meios como o cinema marginal e a arte editorial.

TorquatáLia traz Lia Lordelo acompanhada pelo trio Laia Gaiatta, formado por Heitor Dantas, que faz a direção musical, Uru Pereira e Antenor Cardoso, além de Edbrass Brasil, que assina a direção artística e também integra a banda. O repertório do show inclui as parcerias de Torquato com Gilberto Gil, Edu Lobo, Caetano Veloso, Jards Macalé e Carlos Pinto.

“O desafio foi montar um show com base num conjunto de obras pop históricas, mas pouco executadas ao vivo, e que trazem em seu conjunto um pensamento sobre o Brasil que continua muito atual”, diz Edbrass. No show, fica claro o esforço coletivo na criação de novos arranjos sintonizados com uma sonoridade mais atual, além de uma abordagem musical afinada com o avant-garde.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) - Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais.

Serviço:

TorquatáLia
Atração: Lia Lordelo
Data: 11 e 18 de janeiro, quintas-feiras, às 22h
Valor: R$10 e R$5
Local: Lálá Multiespaço - Rua da Paciência, 329, Rio Vermelho.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.