Fazcultura

14/03/2019 11:40

Bailinho de Quinta e Magary Lord agitam a quinta etapa do Festival Conexão Musical em Itaparica

a
Foto: Leto Carvalho

Nesta sexta-feira (15) e no sábado (16) o Conexão Musical leva alegria em forma de música à Ilha de Itaparica. O evento acontece na Praça do Campo Formoso a partir das 18h e terá na primeira noite os show de Nanda Ribeiro e Bailinho de Quinta, além do DJ Conexão, atração residente do Festival. Já na noite do sábado, segundo e último dia do evento, quem sobe no palco itinerante são as bandas Baba de Moça e Magary Lord e ainda o DJ Conexão agitando todo mundo no intervalo entre as bandas. A entrada é gratuita.

Além de propagar e promover cultura e entretenimento, o Festival Conexão Musical Bahia fomenta a economia local das cidades por onde passa. Após a etapa de Itaparica o Festival Conexão Musical segue viagem pela Bahia e nos dias 22 e 23 de março (sexta e sábado), o caminhão mais musical do verão baiano vai estacionar em Ipirá. A parada será na Praça Roberto Cintra em frente à Igreja Matriz.

O município de Ruy Barbosa também receberá o Festival. O evento acontecerá no último final de semana de março, sexta e sábado (29 e 30/03). Os shows acontecerão na Praça Santa Tereza.   

Já no mês de abril, o Festival Conexão Musical Bahia chega à cidade de Jaguaquara. A programação que acontece também na sexta-feira (05) e sábado (06), na praça J. J. Seabra. Na sexta-feira (12/04) e no sábado (13/04), o Festival desembarca na praça Salvador da Mata, na cidade de Ipiaú. A última etapa do Festival Conexão Musical Bahia será na cidade de Gandu nos dias 16 e 17 de abril (terça e quarta-feira), na praça do Povo.

O Festival Conexão Musical Bahia é uma realização da Alquimia Comunicação, com produção da Maré Produções Culturais, e conta com patrocínio da Skol, via AMBEV, e do Governo do Estado, por meio do programa Fazcultura, das Secretarias da Fazenda e Cultura.

FAZCULTURA – Parceria entre a SecultBA e a Secretaria da Fazenda (Sefaz), o mecanismo integra o Sistema Estadual de Fomento à Cultura, composto também pelo Fundo de Cultura da Bahia (FCBA). O objetivo é promover ações de patrocínio cultural por meio de renúncia fiscal, contribuindo para estimular o desenvolvimento cultural da Bahia, ao tempo em que possibilita às empresas patrocinadoras associar sua imagem diretamente às ações culturais que considerem mais adequadas, levando em consideração que esse tipo de patrocínio conta atualmente com um expressivo apoio da opinião pública.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.