LAB

16/10/2020 15:08

Fundação Pedro Calmon realiza live para sanar dúvidas sobre edital da Lei Aldir Blanc

1

Na próxima terça-feira (20), às 15h, os trabalhadores da cultura interessados na Premiação Pedro Calmon poderão conhecer e sanar suas respectivas dúvidas referentes ao edital. O encontro terá transmissão online promovida pela Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBa), gestora do edital, que visa contemplar 350 iniciativas nas áreas de livro, leitura, bibliotecas, arquivos e memória de todo Estado da Bahia.

A transmissão ocorrerá nas redes sociais facebook e youtube (@fpedrocalmon) e apresenta a Premiação Fundação Pedro Calmon, do Programa Aldir Blanc Bahia (PABB). Na ocasião, os interessados poderão interagir sobre o processo de inscrição, habilitação, pagamento, assim como, sanar dúvidas sobre a regulamentação. A interação será mediada pela assessora chefe, Luciana Mota, e o assessor técnico, Sesnando Melo e na ocasião, técnicos de todas as diretorias da FPC estarão auxiliando os proponentes.

Ao todo, estão sendo investidos cerca de R$ 7 milhões nas quatro categorias e o edital contempla uma iniciativa por proponente, a partir do envio do projeto com apresentação, justificativa, objetivos, metas, cronograma e a metodologia até o dia 27 de outubro. As inscrições são 100% virtual e podem ser realizadas AQUI.

Programa Aldir Blanc Bahia – Criado para a efetivação das ações emergenciais de apoio ao setor cultural, o Programa Aldir Blanc Bahia (PABB) visa cumprir os incisos I e III da Lei Aldir Blanc (Lei Federal nº 14.017, de 29 de junho de 2020) e suas regulamentações federal e estadual. As ações são a transferência da renda emergencial para os trabalhadores e trabalhadoras da cultura, e a realização de chamadas públicas e concessão de prêmios. O PABB tem execução pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, geridas por meio da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias; e as suas unidades vinculadas: Fundação Cultural do Estado da Bahia, Fundação Pedro Calmon, Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.