LAB

14/01/2021 11:40

#LeiAldirBlanc - Inscrições abertas para as oficinas “Povo Negro Nossa Raiz” em São Francisco do Conde

d

Entre os dias 30 de Janeiro e 03 de Abril, o projeto “Povo Negro Nossa Raiz” marca presença no município de São Francisco do Conde. A iniciativa tem como objetivo promover, envolver, difundir e divulgar a importância da valorização da cultura afro-brasileira no fortalecimento da sua coletividade através de oficinas criativas. As vagas são limitadas e gratuitas, e as pré-inscrições estão abertas por meio do whatsapp: 71 999360609 / 71 999268566.  

Seguindo todas as normas de segurança, as oficinas serão realizadas aos sábados e terças na Associação Desportiva de Paramirim. Os temas abordados serão: Estética Negra, Turbante e Missanga, Artesanato, Dança Afro, Zumba, Toque de Atabaque, Capoeira, e Canto. Serão promovidas também Rodas de conversas com temas como Empoderamento da mulher negra e sua valorização, Intolerância religiosa, Saúde da Mulher Negra, Empreededorimos do Povo Negro, e “Povo Negro Qual a Nossa Raiz?”.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Programa Aldir Blanc Bahia – Criado para a efetivação das ações emergenciais de apoio ao setor cultural, o Programa Aldir Blanc Bahia (PABB) visa cumprir os incisos I e III da Lei Aldir Blanc (Lei Federal nº 14.017, de 29 de junho de 2020) e suas regulamentações federal e estadual. As ações são, a transferência da renda emergencial para os trabalhadores e trabalhadoras da cultura, e a realização de chamadas públicas e concessão de prêmios. O PABB tem execução pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, geridas por meio da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias; e as suas unidades vinculadas: Fundação Cultural do Estado da Bahia, Fundação Pedro Calmon, Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural.   



Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.