LAB

15/01/2021 16:50

#LeiAldirBlanc - Ternos de Reis do município de Lençóis realizam gravações de vídeos para projeto


Acontecem neste final de semana (16 e 17 de janeiro, às 16h) as gravações das apresentações dos ternos de reis Reisado da Viola e Reis de Zabumba, da cidade de Lençóis/BA. Os ternos tocarão em frente à Igreja de Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos, sem a presença de público, para realização de filmagem, seguindo todos os protocolos sanitários municipais e estaduais. 

 

Os vídeos serão editados e disponibilizados a partir de fevereiro no site http://redereisdachapada.com.br e nas redes sociais Instagram e Facebook @redereisdachapada 

 

Esta ação é parte do projeto “Salvaguarda do Reisado de Lençóis: saberes e fazeres das reiseiras da Chapada Diamantina”, contemplado com recursos do Programa Aldir Blanc Bahia - Prêmio de Preservação dos Bens Culturais Populares e Identitários Emília Biancardi (CCPI/SECULT-BA). O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal. Apoio técnico do Escritório do Iphan em Lençóis. A Rede dos Ternos de Reis da Chapada Diamantina é integrada à Rede da Cultura Popular de Lençóis. 

 

Programa Aldir Blanc Bahia – Criado para a efetivação das ações emergenciais de apoio ao setor cultural, o Programa Aldir Blanc Bahia (PABB) visa cumprir os incisos I e III da Lei Aldir Blanc (Lei Federal nº 14.017, de 29 de junho de 2020) e suas regulamentações federal e estadual. As ações são, a transferência da renda emergencial para os trabalhadores e trabalhadoras da cultura, e a realização de chamadas públicas e concessão de prêmios. O PABB tem execução pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, geridas por meio da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias; e as suas unidades vinculadas: Fundação Cultural do Estado da Bahia, Fundação Pedro Calmon, Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural.     

 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.