Pipoca e Pelô

Lançado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia em 2009, o projeto Carnaval Pipoca abre espaço para uma festa democrática, atingindo um público que representa a maior parcela do número de foliões que movimentam o carnaval. O projeto estimula, ainda, o debate qualificado sobre o formato e necessidades de mudanças no Carnaval de Salvador, sem cordas e democrático. No ano de 2014, o Carnaval Pipoca teve mudanças significativas, buscando adequar-se às transformações nos circuitos momescos da cidade, e foi em parte integrado ao Carnaval do Pelourinho. A atualização do formato possibilitou a contratação de maior quantidade de projetos, formados por artistas em sua maioria da cena musical independente, e a ampliação dos recursos destinados aos microtrios, que permaneceram nos circuitos oficiais da folia.


Credenciamento para a contratação de serviços artísticos no Carnaval do Pelourinho e Carnaval Pipoca 2016


Portaria 006 -  Resultado Curadoria Credenciamento no Carnaval 2016

Portaria 184 - Edital Credenciamento Carnaval 2016

Anexos e Contrato

- Portaria nº 223 - Resultado Credenciamento Carnaval 1ª avaliação

- Portaria nº 226 - Resultado Credenciamento Carnaval 1ª avaliação_Ruas

- Portaria nº 232 - relação final de habilitados

 Portaria 011 - Resultado Final Curadoria Credenciamento no Carnaval 2016


Notícias sobre Pipoca e Pelô
Recomendar esta página via e-mail: