Artes

10/07/2019 15:40

Sarau do MAB apresenta Villas Lobos e música nordestina

f
Foto: Divulgação

O Museu de Arte da Bahia (MAB) apresenta ao público nesta sexta-feira (12), às 18h, a XV Edição do Sarau do MAB, evento consagrado como um dos mais importantes e prestigiados encontros musicais no gênero, por popularizar a música instrumental, revelar talentos e valorizar músicos iniciantes, com participação especial de cantores clássicos consagrados e da MPB. O MAB integra os espaços administrados pela Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC), da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA). 

Neste espetáculo, a produção de Deraldo Dias anuncia a apresentação do repertório erudito de Villas Lobos, conversando com o universo musical nordestino regido pelo maestro e  pianista Isaías Rabelo, acompanhado do saxofonista Geová Nascimento e do baterista Ivan Huol, executando os clássicos das carreiras de Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Osvaldinho do Acordéon, Sivuca e Hermeto Pascoal.

O espetáculo será dividido em duas partes, a primeira conduzida pelos pianistas Aloysio Prisco, Fábio Senna, Gabriel Ribeiro, Pedro Luís interpretando composições de Villa Lobos, como: A Moda da Carranquinha”, “Os três Cavalheirosinhos”, “Melodia sentimental”, “passa, passa, gavião”, e “Trenzinho Caipira”.

Já no segundo set, o pianista Isaias Rabelo acompanhará o saxofonista Geová Nascimento e o baterista Ivan Huol, em execução de clássicos que marcaram a carreira de Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Osvaldinho do acórdeon, Sivuca e Hermeto Paschoal. Encerrará o evento o forró Pé de Coelho, capitaneado pelo pianista/sanfoneiro Marcos Pedreira que fará uma releitura de temas como: Qui nem jiló, Xote das meninas, Que falta me faz um xodó, Aí, que saudade d'ocê, Baião, Sala de Reboco, Lamento Sertanejo, De volta pro aconchego, e Proibido cochilar.

A aquisição dos ingressos é possível online, pela plataforma do Sympla, ou a partir das 17h, no dia do evento. Valores dos ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia), em espécie ou cartão de débito/crédito.

Museu de Arte da Bahia - O Museu de Arte da Bahia integra os espaços administrados pela Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC), da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).  É o mais antigo museu do Estado, criado em 1918 no prédio anexo ao Arquivo Público e transferido em 1982 para sua atual sede, no Corredor da Vitória. O seu acervo é constituído por 13.686 peças adquiridas ao longo do tempo, através da compra pelo Estado da Bahia de obras de grandes coleções particulares.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.