Cultura

13/09/2019 00:00

SecultBA prorroga prazo para receber propostas de gestão do projeto Escolas Culturais


d

O Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia, por meio da Portaria nº 151, prorrogou até às 23h59 do dia 23 de setembro de 2019, o prazo para receber propostas do Edital de Seleção Nº 001/2019, que visa selecionar entidades para a gestão e operacionalização de ações de desenvolvimento e atividades artísticas e culturais, no âmbito do Projeto Escolas Culturais.

Pode concorrer entidade de direito privado sem fins lucrativos, qualificada ou que pretenda qualificar-se como Organização Social. As propostas serão examinadas por uma comissão julgadora, levando em conta os critérios e regularidade com as exigências descritas no edital. Após a seleção, o prazo de vigência do contrato de gestão será de 24 meses a partir da data da sua assinatura.

As propostas, junto aos documentos obrigatórios, devem ser enviadas para o e-mail escolasculturais@cultura.ba.gov.br.

Para mais informações, confira o edital completo e os anexos AQUI.

Escolas Culturais – Lançado em 2017, o projeto Escolas Culturais tem o objetivo de transformar as unidades escolares em centros culturais, na medida em que incrementa a arte e a cultura no currículo e alia a oferta de cursos de qualificação e formação profissional nas respectivas áreas. A iniciativa é resultado de parceria entre as Secretarias da Cultura (SecultBA), e da Educação (SEC) de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) e a Casa Civil e já foi implantada em 85 unidades em toda Bahia.

O Projeto abrangeu 85 municípios, distribuídos nos 27 territórios de identidade baianos, lotado em escolas da Rede Estadual de Educação. Chegou à marca de 754 eventos realizados em 2018. Em números, destaca-se a identificação, o cadastramento e o envolvimento direto de 859 grupos culturais e 1.105 artistas nos 27 territórios de identidade, reforçandoa abrangência e capilaridade em toda Bahia. Do ponto de vista da participação, no mesmo ano o projeto chegou a 62.020 participações dos diversos públicos envolvidos. Esses dados demonstram o sucesso dessa ação de governo em prol do apoio, da valorização, da organização e do fomento das diversas e múltiplas manifestações culturais locais presentes no território baiano.


Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.